Onde voce deseja procurar?

  • Arquidiocese
  • Paróquias
  • Clero
  • Pastoral
  • Liturgia
  • Cursos
  • Comunicação

Você está em:

  1. Home
  2. Comunicação
  3. Vida Cristã
  4. Quem é São José?

05/04/2021

Quem é São José?

“Sempre, no Evangelho, é chamado Pai de Jesus, Pai putativo, genealógico, jurídico ou legal, nutrício, eletivo, adotivo, virginal, afetivo e de oficio de Jesus Cristo. José foi formado à semelhança de Maria.

Quem é São José? - Vida Cristã - Arquidiocese de Goiânia

Esposo de Maria e Pai de Jesus Cristo, maior que os Anjos

 

Não é São José o grande príncipe, guia poderoso de nossa vida, como o foi de Jesus? São José teve a intimidade do filho de Deus Humanado e o serviu longos anos, do presépio de Belém aos dias da pregação do Evangelho. Nenhum anjo foi tão familiar de Deus. Poderia dizer São José ao Senhor: “Meu Deus, quando tomaste a forma humana para nos remir, depois de Maria, vossa Mãe, e mais que vossos Anjos, tive a incomparável felicidade e honra de vos servir. Tivestes fome e sede e vos dei de comer e beber com o suor de meu rosto. Eu vos recebi nos meus braços e vos salvei da morte e perseguição de Herodes. Protegi, amparei vossa Mãe Santíssima. Senhor, recebi a missão de vos amparar e proteger na terra, para que pudesse amparar e proteger meus devotos.”
 

Não é, realmente, superior, mais eficaz e poderoso o ministério de São José que o dos Anjos? Peçamos ao Santo Patriarca que nos obtenha a graça incomparável da salvação eterna pela fidelidade ao serviço de Deus na terra. Invoquemos o nosso Anjo da Guarda, para que nos ajude a honrar o nosso grande e santo protetor que é também príncipe dos Anjos e Arcanjos. José do Egito, figura de São José, fora constituído príncipe com todos os poderes sobre os demais súditos de Faraó. São José fora constituído também, no Reino de Deus, o grande príncipe, e lhe foram dadas as maiores e mais extraordinárias prerrogativas que o fizeram o príncipe sem igual, acima de todos os súditos do Rei dos reis depois de Maria Santíssima, Rainha do Céus e da terra. E nesta singular e privilegiada missão quem pode contestar a supremacia de José sobre todos os Anjos e coros angélicos? [...]
 

“Isolano, comparando a missão de São José a de cada um dos coros angélicos, demonstra com a doutrina angélica de São Dionísio quanto maior, mais bela, mais sublime foi a missão de São José. Mais que simples mensageiro e guarda dos homens, foi aquele que do céu recebera o encargo de guarda de Jesus, cabeça do gênero humano. Mais que os simples Anjos e Arcanjos, mais que as potestades, virtudes e dominações, mais elevado que os tronos, mais conhecedor do Eterno e íntimo dos Arcanjos celestes, que os Querubins, mais abrasado na Divina caridade que os Serafins. É, pois, São José, Anjo pela vida, Arcanjo pelo oficio, príncipe pela vitória do Rei dos reis, potestades pelas operações sobrenaturais, virtude pela perfeição, dominação, porque acima está das criaturas, Trono porque recebeu nos seus braços o próprio Deus. Querubim porque mais de perto conheceu a Deus; Serafim, porque depois de Maria ninguém melhor e mais pode amar a Deus, nem no céu, nem na terra. Digamos pois: Ó São José! Ó santo acima dos Anjos e dos santos, possamos imitar-vos na angélica pureza e servir a Maria, Rainha dos anjos, para melhor amarmos o Rei Eterno dos Anjos.”

 

Diácono Amarildo Martins
Fonte: Transcrição do Curso “São José, maior que os Anjos”, disponível no aplicativo Minha Biblioteca Católica – Jornadas Católicas, “Peregrino”.