Onde voce deseja procurar?

  • Arquidiocese
  • Paróquias
  • Clero
  • Pastoral
  • Liturgia
  • Cursos
  • Comunicação

Você está em:

  1. Home
  2. Comunicação
  3. Notícias
  4. Guardiões do Amor Maior

13/07/2020

Guardiões do Amor Maior

Rezam em frente a hospitais nesse período de pandemia e a nova missão do grupo

Guardiões do Amor Maior - Notícias - Arquidiocese de Goiânia

O grupo Guardiões do Amor Maior, do Santuário de Adoração Perpétua Sagrada Família (Vila Canaã, Goiânia), assumiu nova missão neste período de pandemia. Está fazendo momentos de oração em frente aos hospitais que estão atendendo pacientes da covid-19.

 

Essa ação de rezar em frente aos hospitais está sendo realizada periodicamente em quatro instituições de Goiânia, em uma de Matrinchã (GO) e outra de Canarana (MT) e será ampliada. “É nosso objetivo inspirar iniciativas idênticas, para que diversos grupos assumam esse propósito de manifestar amor ao próximo também por meio da oração”, enfatiza um dos coordenadores dos Guardiões do Amor Maior, Eduardo Di Paula.

 

Hospital agradece
O Hospital do Coração Anis Rassi fez referência ao trabalho do grupo no Instagram, num gesto de reconhecimento, e a Ahpaceg (Associação dos Hospitais Privados de Alta Complexidade do Estado de Goiás) repostou: “... têm se reunido em frente ao nosso hospital para rezar pelos nossos pacientes e profissionais de saúde. Trata-se de um grande gesto de fé e solidariedade, que tem nosso total apoio! Desde agosto de 2019, o grupo Guardiões do Amor Maior, idealizado por Fernando Bacelar, atua em nossa instituição levando mensagens de otimismo, acolhimento e esperança aos nossos pacientes, por meio da música, de palestras e orações”.

 

Ao encontro dos irmãos nas ruas
O grupo atua junto a pessoas em situação de rua, desde 2005 (conhecido como Anjos das Ruas), oferecendo orientações espiritual e psicológica, refeições, doações de roupas e itens de higiene pessoal. “A proposta é ser ponto de conexão entre quem precisa de ajuda e quem pode ajudar. Após serem criados vínculos com os assistidos, são oferecidas a eles oportunidades para tratamento de doenças e dependências químicas e também de inserção no mundo do trabalho. Tudo isso é possível graças ao apoio de instituições parceiras, como clínicas e empresas”, como ressalta Fernando Bacelar. Contato: (62) 98517-0291