Onde voce deseja procurar?

  • Arquidiocese
  • Paróquias
  • Clero
  • Pastoral
  • Liturgia
  • Cursos
  • Comunicação

Você está em:

  1. Home
  2. Arquidiocese
  3. Palavra do Arcebispo
  4. Educados no Amor da Trindade

15/10/2021

Educados no Amor da Trindade

Educados no Amor da Trindade - Palavra do Arcebispo - Arquidiocese de Goiânia

Com o olhar fito em Jesus Cristo, criados e conduzidos pelas mãos amorosas do Pai, sob o incessante impulso animador do Espírito, todos somos educados na “escola da Trindade”. Da Trindade, escola de comunhão, modelo de comunidade, aprendemos nossas relações, orientamos nossas vidas e nossa história encontra sentido pleno.

 

Para balbuciar o mistério da Trindade, foi incansável o esforço da inteligência ao longo das gerações, constituindo o inestimável patrimônio e herança da Tradição. Com frequência, a linguagem teológica foi o recurso possível e viável para perscrutar o coração de Deus. A Trindade educa a Arquidiocese de Goiânia. Educa a Igreja peregrina. Presente está ao longo de toda a história da salvação: desde a criação marcou todos os seres com possibilidade de abertura para o transcendente, fazendo-nos sua imagem e semelhança; na redenção, assumiu a condição humana e tornou-se solidariedade misericordiosa; em Pentecostes, impulsionou à missão e à busca incessante do Reino.

 

Pela ação da Trindade Santa, ministérios são suscitados em nossa Igreja, comunidades educativas são constituídas ao redor de carismas. A educação escolar foi sendo organizada através de inúmeras famílias religiosas marcadas por aspectos singulares da ação do Espírito. A família e a escola, pelo que significam na formação humana, sempre mereceram atenção e zelo pastoral.

 

A educação cristã deve agregar valores ao conhecimento, ao saber científico e à produção tecnológica. Um exemplo muito visível hoje desses novos espaços que requerem reflexão é o recente desenvolvimento das biotecnologias. A competência para o que poderíamos chamar de responsabilidade social da ciência se constrói, segundo João Paulo II, na educação, na escola. Em seu discurso por ocasião da abertura do Congresso Internacional promovido em abril de 2001 pelo Comitê Europeu para a Educação Católica, o então Sumo Pontífice comparava a educação cristã à descoberta de um tesouro escondido, retomando a significativa imagem evangélica. A ação do cristão no mundo da educação deve ser planejada como uma contribuição para a construção da “civilização do amor, da fraternidade, da solidariedade e da paz”. Aos profissionais cristãos da educação cabe o desafio de juntar à competência profissional e científica uma opção, um estilo de vida baseado nos valores da “liberdade e da caridade”.

 

Trecho da Carta Pastoral “Ensinai a todos os povos - A Educação Católica na Arquidiocese de Goiânia”, de Dom Washington Cruz. Clique aqui e leia a carta na íntegra.