Nosso site está passando por alterações e poderá apresentar erros momentâneos.

Onde voce deseja procurar?

  • Arquidiocese
  • Paróquias
  • Clero
  • Pastoral
  • Liturgia
  • Cursos
  • Comunicação

Você está em:

  1. Home
  2. Comunicação
  3. Notícias
  4. Festa de Nossa Senhora se Fátima

17/05/2017

Festa de Nossa Senhora se Fátima

Missa em honra ao centenário das aparições de Nossa Senhora de Fátima reúne mais de 5 mil pessoas

Festa de Nossa Senhora se Fátima - Notícias - Arquidiocese de Goiânia

O arcebispo Dom Washington Cruz presidiu a missa de encerramento das festividades do Centenário das Aparições de Nossa Senhora de Fátima, no dia 13 de maio, na Praça do Avião, no Setor Aeroporto. Concelebraram diversos padres, entre eles os agostinianos Eduardo Flauzino, diretor do Colégio Agostiniano Nossa Senhora de Fátima, e José Florêncio Blanco, presidente da Sociedade Agostiniana de Educação e Assistência e membro da comissão organizadora da festa. Também concelebrou o administrador paroquial, mons. Daniel Lagni.

Para mais de 5 mil fiéis espalhados pela praça, Dom Washington se dirigiu dizendo que aquele momento de unidade se dava, com o coração transbordando de alegria, à Senhora do Rosário de Fátima. “Como seria bom se nos tornássemos peregrinos de Fátima para visitar o local onde ela apareceu”, comentou. Ele também lembrou que, no Ano Santo Mariano de 1954, a imagem de Nossa Senhora de Fátima deixou Portugal, percorreu todo o Brasil e se estabeleceu em Goiânia, na paróquia do Setor Aeroporto, por isso, completou ele, “nem é preciso ir a Fátima, porque ela já está entre nós”.

O arcebispo destacou que, diante da imagem da Santa, podemos fazer nossas preces repetindo com imenso júbilo os acontecimentos da Cova da Iria, em 1917. Cem anos depois, ainda continua atual aquela rica mensagem. “Não ofendam mais a Deus que já está muito ofendido. O evento de Fátima é uma catequese viva, feita de acontecimentos e palavras, uma catequese simples, como as crianças que a receberam, e, por isso, capaz de ser compreendida por todas as pessoas”. Ele disse também que, apesar de muitos fatos da mensagem de Nossa Senhora de Fátima já terem acontecido, suas palavras continuam abertas aos nossos dias. “Basta ler os jornais, ver como está o consumo de antidepressivos. Faltam políticos responsáveis”. Conforme Dom Washington, Maria é a mãe que arrasta para Jesus. E essa sempre será a sua missão. “Reconheçamos que, sem Maria, a fé católica perde uma parte substancial e corre o risco de se tornar demasiado racional, seca e distante”.

Mensagem de Fátima

O arcebispo também comentou as quatro petições presentes na oração que Nossa Senhora de Fátima ensinou aos três pastorinhos, no dia 13 de julho de 1917, para serem rezadas ao fim da oração do terço. As duas primeiras – “Oh meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno” – recordam o modo como o filho pródigo quis se apresentar diante do Pai. A terceira – “Levai as almas todas para o céu” – recorda que cada um se salva de acordo com sua correspondência a Deus. E a quarta petição: “Socorrei principalmente aquelas que mais precisarem”. “Em Fátima, fica patente como a oração e a penitência podem mudar os acontecimentos da história, pois a prática da misericórdia liberta-nos e nos faz crescer”, explicou.

Logo após a missa, houve o lançamento do selo alusivo ao Centenário das Aparições, pelos Correios e Telégrafos, e uma procissão luminosa, que percorreu várias ruas do Setor Aeroporto. Em seguida, houve uma bela queima de fogos de artifício. Diversas autoridades participaram do evento, entre elas, o vice-governador de Goiás, José Eliton Júnior; o prefeito municipal, Iris Rezende; o deputado estadual Francisco Júnior; o coordenador geral dos Correios em Goiás, José Sizenando Borges.

Fúlvio Costa